Erros que o Orador nunca deve cometer

NÃO SE DESFAÇA EM GRITOS.

NÃO EMPREGUE SARCASMO OU EXPRESSÕES MALICIOSAS.

NÃO ATAQUE HOSTILMENTE COM PALAVRAS ACUSADORAS DE CENSURA.

NÃO EXAGERE EM PROVOCAR RISOS, TORNANDO-SE PALHAÇO.

NÃO ELOGIE A SI MESMO.

NÃO ILUSTRE COM NARRAÇÕES LONGAS.

NÃO CANSE OS OUVINTES COM SERMÕES LONGOS.

NÃO SE AFASTE DO TEXTO E DO TEMA.

NÃO FAÇA GESTOS RIDÍCULOS.

NÃO COLOQUE AS MÃOS NA CINTURA E NOS BOLSOS.

NÃO FIQUE ABOTOANDO E DESABOTOANDO O PALETÓ.

NÃO COMECE CADA FRASE TOSSINDO.

NÃO FIQUE O TEMPO TODO COM O DEDO INDICADOR EM FORMA ACUSADORA.

NÃO DÊ SOCOS NA MESA OU PÚLPITO.

NÃO EXAGERE EM TIRAR E COLOCAR OS ÓCULOS.

NÃO FIQUE ARRUMANDO A GRAVATA.

NÃO JOGUE A BÍBLIA SOBRE O PÚLPITO.

NÃO FIQUE ALISANDO O CABELO.

NÃO FIQUE OLHANDO O RELÓGIO TODO O TEMPO.

NÃO AJOELHE APENAS COM UM DOS JOELHOS.

NÃO DIRECIONE A MENSAGEM A ALGUÉM DO AUDITÓRIO.

NÃO SE DESCULPE POR NÃO ESTAR PREPARADO.

NÃO DIGA REPETIDA VEZES: LOGO VOU TERMINAR.

NÃO PROCURE IMITAR ALGUÉM.

NÃO SE EXPRESSE DE MANEIRA PRESUNÇOSA OU ORGULHOSA.

Comentários

Mensagens populares